registos, memórias e dicas de vadiagens...
Quinta-feira, 22 de Novembro de 2007
Prefiro o amor de um cavalo

Maria da Glória olhou o filho, angustiada com as palavras dele.
- O que queres tu dizer com isso, Pedro, meu querido?
- Quero dizer, mãe, que para mim as coisas são simples: gosto ou não gosto, amo ou não amo. Se amo uma mulher, amo-a mesmo. Não tenho dúvidas, nem contradições, nem estados de espírito, nem outra vida para viver onde ela não caiba. Para mim, que pouco percebo do assunto, o amor é sobretudo a ausência de perguntas, de dúvidas, de incertezas. É paz, segurança, eternidade. O meu pai nunca teve dúvidas se a amava ou não. Amou-a sempre, à maneira dele, que era a única que sabia. Amou-a uma vez, amou-a para sempre. Podia pôr tudo em causa, mas isso a mãe sabe que ele nunca pôs. E eu não percebo que as mulheres não pensem assim. Não percebo!
- Pedro, eram outros tempos! As coisas, hoje, não são assim tão simples. Vivemos tempos muito complicados, difíceis de entender, parece que o tempo foge sempre, tudo é mais rápido, nada é eterno, nada é adquirido e igual todos os dias.
-Não é verdade, mãe: o mau cavalo gosta de mim todos os dias. Compreende-me todos os dias, sabe o que eu quero e o mesmo se passa comigo em relação a ele. Se há um dia em que eu não o monto, ele sente saudades de mim e todos os dias olha para mim como o seu melhor amigo. Esse amor é eterno e não o questionamos.
-Pedro! Uma mulher não é um cavalo!
- Pois, mãe. Mas, daquilo que eu sei, prefiro o amor de um cavalo. É mais fiável.
Ela olhou-o, estarrecida, enquanto ele se despedia, beijando-lhe a mão e desaparecendo para a sua solidão nocturna.

Páginas: 371-372

 


Etiquetas:

publicado por allaround às 13:06
link da vadiagem | dar achegas à vadiagem

o autor...
counter
pesquisar
 
Weather Forecast | Weather Maps
vadiagens recentes

That's all folks

"going home"

"um porto rosa"

Mundo Gráfico (XXIV)

Trieste

Janelas ao vento...

Caldeirão do Inferno

Groningen

Zlatarog

Dia da Criança

Etiquetas

açores(16)

alentejo(18)

algarve(2)

alpe d'huez(9)

amsterdam(3)

andaman & nicobar islands(9)

auschwitz(2)

azeitão(4)

bangkok(3)

bantayan island(3)

berlin(1)

borocay(18)

brazil(3)

cabo verde(27)

canada(3)

cervejas(4)

chennai(2)

china(1)

cockfighting(2)

cores da estação(13)

cork(1)

costa rica(1)

crocs(1)

cuba(1)

curiosidades(138)

cyprus(3)

czech republic(4)

desafios(3)

discos(7)

dominican republic(1)

douro(1)

dublin(2)

edição do blog(6)

estonia(1)

france(12)

frases(13)

gastronomia(4)

germany(2)

goa(21)

graffiti(23)

greece(1)

groningen(1)

havelock(7)

holland(6)

ilha da madeira(1)

ilha das flores(1)

ilha do faial(9)

ilha do pico(2)

ilha do sal(16)

ilha terceira(3)

india(31)

ireland(7)

isle of man(1)

italy(1)

jamaica(2)

jamaika(1)

koh phangan(10)

koh phi phi(1)

koh samui(3)

koh tao(2)

lisbon(5)

lithuania(3)

livros(46)

ljubljana(1)

mactan island(6)

madrid(1)

malapascua island(5)

malaysia(1)

manila(2)

maribor(1)

mercado do livramento(8)

mergulho(17)

mexico(1)

mumbai(7)

mundo gráfico(24)

musica(19)

musica no blog(14)

natal(37)

norway(7)

oslo(5)

palmela(4)

paris(2)

philippines(46)

poesia(2)

poland(5)

portugal(192)

postais curiosos(12)

postais de portugal(7)

postais do mundo(16)

prague(3)

salamanca(2)

setúbal(134)

sitios & lugares(11)

slovenia(4)

spain(3)

sports(28)

sunset(5)

thailand(29)

timor(2)

toronto(3)

todas as tags

para fugir daqui...
Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


o que lá vai

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

AROUNDtheCLOCK

por LaTiTuDes