1 comentário:
De inspirare a 18 de Janeiro de 2008 às 17:27
Juro, que a primeira coisa que pensei, foi que estava a ficar deslexico. De facto, é curioso e é verídico. Deve dar mais trabalho a escrever o parágrafo daquela forma do que dá a lê-lo!


Comentar post